| cláudia d.f. bellani
23 out, 2017

Ginástica Laboral II

No post anterior, abordamos o assunto Ginástica laboral como uma das estratégias para prevenir o aparecimento das LER/DORT.

Ressalta-se que a prevenção das LER/DORT envolve mudanças que se estendem além do ambiente de trabalho, incluído o estilo de vida do profissional. O cirurgião-dentista precisa conhecer e aplicar os princípios da ergonomia em seu consultório, adaptando os equipamentos e seu ritmo de trabalho, bem como realizar exercícios físicos de alongamento e evitar as situações extremamente estressantes, já que o estresse é fator desencadeante das LER/DORT.

De acordo com o Manual de ginástica laboral como forma de prevenção a lesões por esforços repetitivos, de Gerbin e Colaboradores, realizado pela UNESP – Faculdade de Odontologia de Araçatuba, 2008, os cirurgiões dentistas devem:

EVITAR:

  • Inclinação excessiva para frente, para os lados e rotações excessivas de cabeça;
  • Trabalhar com os membros superiores afastados do tronco, mantendo-os elevados acima da linha do ombro e suspensos no ar;
  • Curvar o corpo para frente (manter as costas apoiadas no encosto do mocho, e os pés no solo);
  • Torcer o tronco para minimizar tensões e sobrecargas nos discos intervertebrais, articulações e músculos;
  • Movimentos repetitivos dos membros superiores, limitando a duração do esforço contínuo;
  • Longas jornadas de trabalho.

MANTER:

  • Distância em torno de 30 a 40cm de distância entre os olhos do dentista e a boca do paciente;
  • Um ângulo coxa-perna entre 90 e 120 graus;
  • Os punhos em posição neutra, evitando flexões ou extensões extremas que passem de 20 graus;
  • Coxas totalmente apoiadas sobre o assento, a borda anterior do assento deve ser arredondada, evitando a compressão da região posterior dos joelhos.
  • Trocas de posturas durante os atendimentos;

PROCURAR:

  • Trabalhar, sempre que possível, com a ajuda de uma auxiliar;
  • Realizar alongamentos musculares (ginástica laboral) dentro do seu consultório, em intervalos entre um atendimento e outro, ou sempre que julgar necessário;
  • Realizar atividades físicas regularmente;
  • Adotar hábitos posturais saudáveis durante o trabalho e fora dele.

 

Para uma leitura detalhada, baixe aqui o arquivo pdf com o manual da Ginástica laboral na íntegra.

 

 

Voltar Voltar